Imagens

Ok, não era para achar graça do vandalismo do cara ao pichar o muro alheio, mas confesso que achei graça dessa história (vou pro inferno?).

Essa casa, que fica em Londres, foi alvo de uma batalha engraçada. A casa tinha uma faixa vermelha no muro com uma peculiar curiosidade. Sempre que alguém fazia uma pichação na parte vermelha do muro, a pichação era removida pintando-a de vermelho, sempre que a pichação era na parte “nua”, a tinta era removida com pressão de água.

Um pichador qualquer percebeu isso e resolveu travar uma queda de braço, o resultado é essa série de 30 imagens que você pode conferir clicando aqui.

Embuceta, agora eu tenho mais uma palavra para meu dicionário formal!

Ligaram o botão de fod@-se no jornalismo. Confiram só a matéria publicada em um jornal de São Luis, MA, ontem (25), que dizia: “Ex-goverbadora Roseana Sarney se embuceta e barra as famílias Lobão e Murrad no PMDB.” É muita poesia.

embucetar

Não sabemos da veracidade da manchete, embora acreditamos que seja real, em uma rápida pesquisa encontramos uma outra foto publicada em um site a UOL.

Via

Pois é, eu pensei que era brincadeira, mas não, em uma rápida pesquisa pelo Google, pude confirmar que o nome do nosso querido Jhaesneanflayquisheideix aparece no Diário Oficial da União.

Agora eu fico imaginando o rapaz do cartório olhando para o pai do Jhaesneanflayquisheideix e perguntando: O Sr. poderia repetir só mais 83 vezes o nome que o senhor quer colocar no seu filho?

Olha ai a identidade!

Jhaesneanflayquisheideix Alves da Silva

Um artista inglês encontrou uma forma bem curiosa e CHAMATIVA de alertar sobre os buracos em Manchester, na Inglaterra. Para que os buracos não passassem despercebidos pelas autoridades, ele resolveu contorná-los com tinta.

– Daniel. Certo, é nteressante, mas não vejo tanta criatividade assim.

Ok, espera para ver como ele fez os contornos e depois você me diz se não foi criativo. :)

Existe uma diferença gritante entre pichação e grafitagem, começa que o primeiro é vandalismo, o segundo é arte. Entretanto, também existe uma diferença entre a grafitagem comum e as desse artista português, Sérgio Odeith, que consegue criar além da arte, a ilusão de que suas gravuras estão… flutuando!

#MindBlow.

SOCIAL